Diretoria confirma saída de dois volantes

Diretoria confirma saída de dois volantes

A diretoria confirmou na tarde desta sexta-feira (4) a saída de dois volantes do plantel do Belo. Os jogadores Djavan e Patrick Mota deixaram o clube e passaram a integrar equipes paulistas.

Djavan considerado prata da casa, subiu para a equipe profissional do time da Maravilha do Contorno em 2016, com o até então técnico Itamar Schulle. O volante foi destaque no estadual e um dos jogadores com maior regularidade em campo. Já Patrick Mota, veio em 2017, após o Campeonato Paraibano e seguiu no Belo até o início deste ano.


Djavan continua com contrato com o Botafogo até 2020 e foi emprestado para o Mirassol para disputar o Campeonato Paulista permanecendo lá até o mês de abril com opção de compra por parte do Mirassol.


Patrick Mota acertou a rescisão em comum acordo com o Belo e segue para o Bragantino. O Botafogo ficou com 20% dos direitos econômicos do volante.

Com a saída dos dois jogadores o Botafogo vai em busca de reposição.